Escola de Governo

Desenvolvimento, Democracia Participativa, Direitos Humanos, Ética na Política, Valores Republicanos.

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte
Escola de Governo / Notícias / Maior expectativa de vida das mulheres é falácia, mostra IBGE

Maior expectativa de vida das mulheres é falácia, mostra IBGE

E-mail Imprimir

Esse número é fruto de maior mortalidade de homens jovens, por acidentes ou homicídios. Assim, conforme olhamos a expectativa de vida dos que sobrevivem mais, menor é a distância entre homens e mulheres. Na idade de 60, a diferença já é de 3,6 anos e, na idade que o governo quer, é de 3,1 anos.

Portanto, não faz sentido esse argumento para aumentar e igualar as idades de homens e mulheres.

Seria ótimo se observássemos a igualdade de gênero de forma ampla. As mulheres, apesar de maior qualificação, continuam recebendo menos em trabalhos idênticos e estudos recentes apontam que o percentual de homens que trabalhavam e participavam dos afazeres domésticos aumentou de 35,8% para 47,7%. No entanto, ainda é muito distante das mulheres, cuja jornada dupla é de aproximadamente 90%.

 

Importante

Sugestões para o Site
Compartilhe suas sugestões para melhorarmos o site da Escola de Governo.

Campanhas